Marechal Cândido Rondon (PR) usa tecnologia IPM há 27 anos

Marechal Cândido Rondon (PR) usa tecnologia IPM há 27 anos

Administração Geral
16 set 2021

Marechal Cândido Rondon, município do Oeste paranaense com 54 mil habitantes, destaca-se pelas boas práticas de gestão e economia forte. Por exemplo, seu PIB per capita é estimado em R$ 44.732,80, enquanto que o da capital Curitiba é de R$ 45.458,29. Ainda, registra um alto Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (IDHM): 0,774. Resultados de uma gestão qualificada pelo uso da tecnologia, uma parceria com a IPM Sistemas que já dura 27 anos.

O diretor de TI da Prefeitura, Jarles Luiz Schmitt, salienta que a IPM atende a gestão municipal rondonense desde 1997, ou seja, em boa parte da história do município, que tem 61 anos. E sempre implantando inovações.

“Em 2014, 2015, migramos para o sistema em nuvem,que trouxe muita praticidade, muita facilidade para o Servidor municipal e também para o munícipe. Deu agilidade no atendimento, facilidade de busca de informações”, destaca.

O secretário municipal da Fazenda, Carmelindo Daronch, também comemora as vantagens de contar com um cadastro único que é acessado por todos os departamentos, e 100% em nuvem, o que permite acesso 24h de qualquer dispositivo com Internet. 

“Sempre que eu quero fazer uma consulta de algum processo, ou de algum relatório, eu acesso de casa, e os Servidores também”, comemora Daronch.

O diretor de Compras e Licitações, Rodrigo Copetti, também salienta as facilidades em seu dia a dia.

“Isso, para nós, é muito bom, porque facilita muito o trabalho. Inclusive, nessa época de pandemia, a gente conseguiu fazer boa parte do nosso trabalho de forma remota, complementa Copetti.

> Vídeo: entrevista com a equipe administrativa da Prefeitura de Marechal Cândido Rondon (PR)

Processos digitais otimizam rotina e reduzem 50% do uso de papel

A implantação da tecnologia 100% em nuvem permitiu reduzir consideravelmente o uso de papel na Prefeitura de Marechal Cândido Rondon, o que é possível pela adoção de processos digitais. Por exemplo, em 2021 o número de processos tramitados de forma on-line na Prefeitura já atingiu 99% de toda a tramitação de 2020, faltando ainda quatro meses para o fim do ano.

“Inovação. Muitos processos eram feitos, protocolados, através de papéis. Hoje eles vêm via on-line. Muitos processos são digitalizados e colocados on-line e nós analisamos sem a necessidade de emitir papéis”, comemora o secretário da Fazenda, Carmelindo Daronch. 

Uma nova rotina possibilitada pela modernização digital que agiliza os trâmites com sustentabilidade e economia. 

“Houve uma redução de papel de 40% a 50% desde que foi implantado o processo digital, com os trâmites via sistema”, diz o diretor de TI, Jarles Luiz Schmitt. 

E o objetivo da administração municipal é que a Prefeitura elimine de vez o uso de papéis, conforme o secretário de Administração, Anderson Schmoeller.

“A gente quer tornar Marechal Rondon sem papel, em termos de Prefeitura, para que todos os processos no futuro possam se tornar digitais, para que as pessoas entendam que nós temos esse processo muito bem montado e que elas possam realmente receber a informação que precisam de maneira mais ágil possível”, salienta Schmoeller.

Automação dos fluxos de trabalho facilita processos licitatórios

Com o uso da tecnologia IPM, o fluxo de atividades dentro da Prefeitura fica organizado, dinâmico e transparente. Com a funcionalidade Workflow, é possível visualizar e executar processos complexos no formato de fluxogramas virtuais. Dessa forma, possibilita acompanhar em tempo real a situação de cada etapa, identificando facilmente as fases executadas e as pendentes. E sem uso de papel.

O diretor de Compras e Licitações da Prefeitura de Marechal Cândido Rondon, Rodrigo Copetti, comemora as facilidades que ganhou com a automação dos processos licitatórios. “Nós utilizamos no nosso procedimento diário o Workflow do sistema IPM. Ele traz todas as informações de um processo licitatório, de como começa até a parte final”, salienta. Copetti destaca que o sistema mostra o passo a passo do processo, com tudo o que é preciso fazer.

“Por exemplo, quando um processo é movimentado de uma secretaria para outra, seja ela descentralizada ou aqui no Paço Municipal, nós temos essas informações dentro do sistema, onde a gente consegue acompanhar exatamente onde está esse processo, com quem está, quem foi a pessoa que recebeu e qual é oprazo para devolução desse procedimento”, explica. “Então, fica muito mais fácil de acompanhar realmente a funcionalidade desse processo e a tramitação dele também”, completa Copetti.

> Vídeo: 3 vantagens da modernização digital dos órgãos públicos 

Tecnologia IPM permite desenvolver governos públicos verdadeiramente digitais

O sistema de gestão pública desenvolvido pela IPM permite que as Prefeituras executem todos os seus processos sem o uso de papel, inclusive com assinatura virtual de documentos. Além disso, o cadastro único de dados proporciona consultar com agilidade as informações de qualquer departamento, gerando gráficos e indicadores gerados em tempo real. Tudo para agilizar e qualificar a gestão municipal, tornando-a mais eficiente, econômica e transparente.

“Nossas soluções utilizam tecnologia de última geração, que permite ir muito além da simples abertura de protocolos e envio de memorandos ou requerimentos por meio de um sistema informatizado”, salienta Sedi Zanella, gerente de Relações Institucionais da IPM. “O próprio sistema utilizado no trâmite de processos também realiza os lançamentos em contabilidade, folha, arrecadação, compras e em outras áreas”, completa.

Como resultado do uso dessa solução tecnológica vem também a redução significativa de gastos com correios, impressoras, tinta, papéis, arquivo morto, além do tempo da equipe administrativa. E o maior beneficiado é o munícipe, que consegue ter suas demandas atendidas mais rapidamente, ao mesmo tempo que vê sua cidade ser gerida de forma mais inteligente e econômica.

“A IPM é uma empresa que sempre busca estar atualizada nas tecnologias do mercado, sempre buscando o melhor para que possa atender de uma forma correta os municípios”, salienta o diretor de TI da Prefeitura de Marechal Cândido Rondon, Jarles Luiz Schmitt.

LEIA TAMBÉM:

> Índice de Governança Municipal 2021: clientes IPM são destaque no Brasil

> Clientes IPM ganham Selo APS de Qualidade do Ministério da Saúde

> Governo Digital: o que é e sua importância na gestão pública

> Gestão de cemitérios: tecnologia facilita o trabalho das Prefeituras

> Gestão ambiental municipal: 4 benefícios do uso da tecnologia

> Emprego: confira as vagas abertas na IPM Sistemas

 

Siga a IPM no Linkedin, Facebook, Twitter, Instagram e Youtube

 

Voltar Voltar para notícias
Compartilhe essa notícia
Compartilhe no Twitter Compartilhe no Facebook Compartilhe no Linkedin
Retornar ao topo da página