IPTU 100% digital: Rio do Sul elimina impressão de carnês a partir deste ano

Os contribuintes de Rio do Sul, no Alto Vale do Itajaí, não vão mais receber o carnê de Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) impresso para pagamento. É que um projeto de lei do ano passado tornou o processo 100% digital a partir de 2019. A medida vale ainda para a cobrança de ISS Fixo, Taxa de Verificação do Cumprimento de Normas Municipais (TVCNM) e a Taxa de Vigilância Sanitária (TVS) também já lançadas neste ano.

A novidade integra a política municipal de desburocratização e emprego da tecnologia para facilitar e dinamizar a relação com o contribuinte. O cidadão poderá fazer o pagamento pelo App Atende.Net usando smartphone ou tablet. Quem preferir, poderá ainda fazer a impressão do documento ou pagar através de meios digitais bancários.

Para o secretário de Administração e Fazenda, Alexandre Pereira, a medida se faz necessária diante da modernização e do uso constante dos recursos digitais.  “Não é preciso mais esperar pelo carnê em casa. Assim que o imposto é lançado, o contribuinte já pode acessar e fazer a sua programação. Assim vamos contribuir com a diminuição da emissão de papel, com os custos com entrega e com o tempo do contribuinte”, explica.

A prefeitura estima que 45 mil unidades gerem cobrança de IPTU no município. Destes, em torno de 6 a 7 mil ao ano já haviam aderido ao sistema digital da cobrança, sem emissão do carnê em papel. O índice de retorno dos carnês do correio era de aproximadamente 10% todos os anos, sendo que muitos contribuintes nunca buscam o documento, o que representa desperdício de dinheiro público.

Confira mais informações no site da prefeitura de Rio do Sul.

Compartilhe
FacebookTwitterGoogle+Email

Newsletter IPM

Cadastre-se e receba novidades sobre nossos sistemas.

© 2019 IPM Sistemas de Gestão Pública. Todos os direitos reservados.