Novo Atende.Net automatiza rotinas tributárias de final de ano das prefeituras

Atualização reduz necessidade de intervenção humana em tarefas no fim do exercício fiscal.

A proximidade do final do ano exige dos gestores públicos municipais uma atenção especial às questões tributárias. Tanto nas cidades em que haverá a troca de gestão quanto nas que os prefeitos e secretários permanecerão à frente do executivo pelos próximos quatro anos, há práticas que exigem a atenção dos servidores públicos. Entre elas estão a finalização e inicialização das numerações sequenciais dos exercícios atual e futuro, a cópia dos parâmetros tributários para o próximo ano e a inserção dos débitos que ainda estão em aberto na dívida ativa municipal.

Essas atividades, por vezes, fazem com que um grupo de funcionários permaneça trabalhando enquanto outros estão no tradicional recesso de Natal e Ano Novo, pois os dados precisam ser inseridos manualmente. Nas cidades que usam o Atende.Net, no entanto, isso não precisa acontecer. A solução, desenvolvida pela especialista em sistemas para gestão pública IPM Sistemas, permite criar uma rotina automatizada para esses processos, que pode ser programada durante o período de atividades normais e não requer supervisão humana para acontecer.

A nova função está disponível desde o começo do mês de novembro, quando o Atende.Net recebeu uma atualização importante. Além de mudanças no layout, que levaram em consideração as principais tendências de design de interfaces, algumas funcionalidades foram implementadas e melhoradas – com o objetivo de modernizar processos e tornar os serviços mais eficientes. Como funciona baseado na computação em nuvem, todos os clientes que usam a solução com essa tecnologia já estão aptos a automatizar os processos.

“É um ganho de tempo e economia de recursos, principalmente humanos, já que os técnicos não precisam alterar o planejamento das últimas semanas do ano para trabalhar enquanto muita gente estará de férias. É uma intervenção simples, mas que promove um ganho de produtividade fantástico para o município”, avalia o coordenador de desenvolvimento de sistemas da IPM, Ivo Ferreira Souza Júnior. Até o final do ano, os técnicos da empresa devem finalizar as configurações para que os gestores responsáveis pela tributação nas cidades aproveitem a novidade.

Confira também a matéria publicada nos portais:

BIT Magazine

TI Inside

Segs

Noticenter

Exponews

Compartilhe
FacebookTwitterGoogle+Email

Newsletter IPM

Cadastre-se e receba novidades sobre nossos sistemas.

© 2017 IPM Sistemas de Gestão Pública. Todos os direitos reservados.