Gravataí implanta ferramenta que simplifica gestão da área ambiental

IPM Ambiental possibilita que os procedimentos sejam feitos remotamente por meio de sistema em nuvem


Os moradores, servidores municipais e empresários de Gravataí, no Rio Grande do Sul, não precisam mais ir até a prefeitura para gerenciar licenças ambientais ou fazer denúncias desse segmento. Isso porque o módulo IPM Ambiental, disponível pelo Portal do Cidadão, acaba de ser homologado na Fundação Municipal de Meio Ambiente (FMMA).

Segundo o presidente da FMMA, Luiz Zaffalon, o módulo integra com o banco de dados da prefeitura graças às facilidades do Atende.net, sistema de gestão em nuvem utilizado no município há cerca de 7 anos.

“Até então a prefeitura e a fundação usavam sistemas diferentes, então tínhamos que criar dois processos. Agora está tudo integrado, é muito mais simples e mais fácil até pela própria arquitetura do produto. O grande beneficio é que o cidadão utiliza o software que já estava acostumado, além de poder fazer tudo remotamente, algo que antes não era possível”, explica.

Para o diretor-presidente da IPM Sistemas, Aldo Luiz Mees, a utilização do mesmo sistema usado pela prefeitura fortalece ainda mais a Fundação de Meio Ambiente. “O uso de uma solução de nova geração facilita a gestão, promove a autonomia dos cidadãos e prepara o município para a realidade tecnológica que estamos vivenciando”, comenta.

Módulo IPM Ambiental

O módulo IPM Ambiental é um lançamento da IPM Sistemas e pode ser implantado nas prefeituras por meio do Atende.Net. Segundo a coordenadora de núcleo, Pamela Eichholz, ele permite que o cidadão registre denúncia formal ou anônima, sem necessitar de login no portal de autoatendimento ou se deslocar à prefeitura.

O município, por sua vez, consegue fiscalizar se as empresas estão cumprindo com as exigências contidas no documento oficial da licença emitida ao empreendimento, bem como identificar se a denúncia é válida para que sejam tomadas as medidas cabíveis, desde geração de multa até a obrigatoriedade da solicitação de licença ambiental para se adequar às normas legais.

Já para as empresas, é possível visualizar, acompanhar e gerenciar as solicitações de licença, acessar boleto para pagamento de taxas, consultar anexos relacionados ao pedido, consultar as licenças deferidas, prestar contas do destino dos resíduos gerados, dar ciência na licença emitida e realizar o download do documento oficial.

Compartilhe
FacebookTwitterEmail

Newsletter IPM

Cadastre-se e receba novidades sobre nossos sistemas.

© 2019 IPM Sistemas de Gestão Pública. Todos os direitos reservados.